Dicas Notícias Roteiros

Vale dos Vinhedos une cicloturismo, vinhos e gastronomia na Serra Gaúcha

Lindas paisagens, passeios diferenciados, vinhos e gastronomia em harmonia. A Serra Gaúcha é destino certo para quem sabe aliar viagem aos prazeres da boa mesa. Chamada de “Capital Brasileira da Uva e do Vinho”, Bento Gonçalves foi pioneira no desenvolvimento do enoturismo no Brasil e hoje alia tradição e modernidade em hotéis, restaurantes e vinícolas.

O Vale dos Vinhedos é o principal destino enoturístico do Brasil e única região que possui os selos de indicação de procedência e de denominação de origem, com vinhos de altíssima qualidade. A região conta com nada menos que 79 vinícolas. Nelas é possível fazer visitas, degustações, participar de almoços ou jantares harmonizados com vinho e com cardápios especiais.

GOL abre novas vagas para comissários de voo


De pequenas propriedades a grandes grupos, cada vinícola da região oferece uma forma diferente de conhecer um pouco mais sobre esse rico mundo do vinho. Restaurantes e hotéis também costumam realizar refeições harmonizadas, com opções de cardápios que vão do tradicional ao contemporâneo.

A Serra Gaúcha é conhecida pela mesa farta, com saborosas refeições acompanhadas de vinhos, invariavelmente valorizando a tradição familiar. Seja na gastronomia italiana colonial, que vem passando de geração para geração, seja na cozinha contemporânea e nos bistrôs gourmets, com cardápios de chefs renomados, a satisfação é garantida.

Entre as opções gastronômicas, há para todos os gostos. Famosas sopas feitas com massa – como Capeletti -, polenta, queijos de vários sabores e cores – como Morbier -, fondue, galeto tradicional, salame de javali, cuca alemã, sagu, biscoitos – como de baunilha -, panna cotta e chocolate quente, apenas para citar alguns da cozinha local. O Restaurante Maria Valduga, da Casa Valduga, e o Valle Rústico Restaurante são bons exemplos da união da cozinha local com vinhos de qualidade.

Passeios a pé ou de bike – Os vales e as paisagens repletas de parreirais são alguns dos encantos da região que podem ser explorados em caminhadas por trilhas guiadas ou de bike. Nos caminhos, o visitante encontra as marcas da imigração europeia, especialmente italiana, hoje enraizada nos moradores, com exemplos como a construção de capelas, a devoção aos santos, o dialeto venetto e, principalmente, o cultivo da videira e a produção do vinho.

De bike, é possível conhecer Bento e região, com os passeios pelos principais roteiros turísticos organizados, por exemplo, pelo Dall’Onder Cicloturismo, do Dall’Onder Grande Hotel. São cinco rotas diferentes, todas com opções de maior ou menor dificuldade, duração e percurso: Caminhos de Pedra (Pedalada Cultural), Estrada do Sabor (Pedalada Colonial), Rio das Antas (Pedalada Ecológica), Salto Ventoso (Pedalada Refrescante) e Vale dos Vinhedos (Pedalada Enoturística).

Outra atração é a visita ao Parque Casa da Ovelha, que faz parte do roteiro turístico Caminhos de Pedra. Lá o visitante tem oportunidade de conhecer fazenda, laticínio e um parque de vivências, com experiências típicas de uma criação de ovinos. É um ponto turístico em Bento Gonçalves que segue três conceitos principais: o sabor, a saúde e a tradição. É possível assistir à amamentação de filhotes, pastoreio de ovelhas com cães Border Collie, falcoaria (exibição de falcões amestrados) e comprar produtos derivados do leite de ovelha, como queijos de alta qualidade e uma linha de cosméticos diferenciada.

Spa do Vinho – Entre os destaques do Vale dos Vinhedos para quem quer viver uma experiência diferenciada está o spa do vinho, localizado no Spa do Vinho Hotel & Condomínio Vitivinícola. Lá, em meio a belas paisagens e a muitas atrações, há tratamentos vinoterápicos abertos a hóspedes e não hóspedes.

Compartilhe!